capa-mica2

Mi (KKK) Rocha

janeiro 9, 2015 por InVoga - Nenhum Comentário

Hahaha. Kkkk. Hehehe. Rss. A entrevista sem cortes confirma o que já sabíamos: Mica Rocha sabe rir de si mesma e de tudo, o tempo todo. E se existe algo mais contagiante (e sexy) do que o bom humor a gente desconhece.

IMG_6623

Programas de TV (no plural), canal no youtube, tutoriais no instagram, e-commerce de décor… Você não para, né? Como é que consegue aparecer sempre com esse visual impecável?
Ahhh, vocês são muito fofos e cegos! Hahaha. Eu a-do-ro me cuidar, para mim é uma diversão comprar um creme aqui, fazer uma máscara facial ali. Isso me faz bem, e quem não gosta de se sentir bonita? Mas tem dias que o negócio é colocar uns óculos e um boné. Quando eu estou em ritmo de gravação, fico exausta, #igualquenem esse editorial. Hahaha.

No meio desse turbilhão, ainda tem os preparativos para o casamento. É tudo surpresa ou você já pode contar alguma coisa pra gente?
Sim, o casamentoooo! Eu tento juntar tudo em um liquidificador e ir resolvendo. Eu e o Renato resolvemos nos casar fora de SP, porque queremos algo íntimo e para nós, o que dá um trabalhão. Não é fácil, mas eu tenho pessoas maravilhosas que me ajudam.

Em entrevista a Veja, você disse que dor de amor é pior que luto. Por quê? E qual o segredo para dar a volta por cima com bom humor?
Teve gente que quase me esganou quando leu. Não falei bem assim… Hehe. A dor de amor é quase, QUASE, um luto em alguns casos. Há pessoas que ficam extremamente deprimidas, engordam, emagrecem, acabam perdendo seus empregos. Então, eu acho que dor de amor, quando for bem forte e profunda, pode ser quase, QUASE, um luto. Eu acho que isso acontece por causa da famosa e dolorosa rejeição. Não há pior sensação do que aquela de não ser desejada por quem você deseja. Isso pode nos causar danos se não tratarmos. Eu acredito que o bom humor cura muitas coisas, inclusive as maiores dores. Se você começar a enxergar o tamanho da vida, pode perceber que às vezes exageramos muito no drama de não ter mais aquela pessoa. Outra dica maravilhosa é contar uns podrinhos do ex para a sua amiga para deixar de achar que o ex ou a ex é ser de outro mundo. Ele não é.

IMG_6642

De onde vem a inspiração para os tutoriais? São situações que você já vivenciou, vividas por amigas ou sugestões dos próprios internautas? E o noivo dá pitaco?
São sim, situações que já passei, que já vi passarem e que já me contaram. Os tutoriais são inspirados na vida real. O noivo dá pouco pitaco, mas me ajuda a fazer alguma voz masculina quando preciso.

Todo mundo se sente meio amigo da Mica, por causa desse jeito extrovertido. Conta aí a situação mais engraçada que já aconteceu por conta disso.
Você sabe que escuto muito isso? Eu amo, fico me achando A amiga! Uma vez um menino entrou gritando num restaurante: “Mica, eu vou matar aquele desgraçado”. Eu estava com uma amiga e ficamos geladas porque achei que ele vinha brigar comigo (rsrs). Eis que ele estava em crise com o namorado e chegou para desabafar. Kkkk. Foi hilário, ele sentou-se à mesa e ficamos até o final do jantar papeando.

IMG_6698

Seus amigos achavam que você deveria ser atriz. Já se imaginou fazendo novela, por exemplo, ou a carreira de apresentadora já supre essa veia teatral, digamos assim?
Tem gente que fala que eu deveria ser atriz, mas eu acho que esse humor que faço já me supre. Não sei o dia de amanhã, mas só não posso beijar na boca de outro mocinho. Só o de casa já tá ótimo!

Na sua fanpage, você se apresenta como alguém que, entre outras coisas, paga mico. Impossível imaginar você cometendo alguma gafe. Qual foi o pior mico e como você saiu da situação?
Mico? É comigo mesma! Já falei com gente achando que era outra pessoa, já confundi o nome do entrevistado na TV, levei um mega tombo gravando com a Gabi Pugliesi (nós duas caímos num desfile)… Foram vários!

IMG_6836

No meio de tantos momentos engraçados, você também fala sério. O fato de ter deixado de fumar, por exemplo, inspirou muita gente. Como é a vida de uma ex-fumante?
Nossa – foi o maior desafio da minha vida! Eu parei do dia para a noite, sem tomar remédio. Não foi fácil e no primeiro mês eu achei que não fosse aguentar. Tive uma recaída numa festa e dei um trago, quase morri de nojo e entendi que não era mais uma fumante. Foi muito legal colocar isso como algo público, e muitas pessoas entraram na onda de parar. Eu fiquei muito feliz, porque não é alguém que nunca fumou falando para não fumar. É alguém que sabe e entende que os fumantes sentem prazer no vício e é difícil pra caramba de largar.

Você já conheceu meio mundo, com o programa Mapa do Pop. Como é que volta a bagagem após as viagens? O contato com diversas culturas deve proporcionar um aprendizado único, sem falar nos achados de cada lugar…
É maravilhoso! Eu amo viajar e conhecer tudo de novo que eu ainda não vi. O Mapa do Pop me deu essa chance e sou muito grata. Fui para um monte de lugar, conheci muita história que fez diferença no mundo e ainda trabalhei com o que mais amo, que é gravar. Foi e é maravilhoso! Eu volto cansada, claro, são 54 dias viajando o mundo e gravando, maquiando, decorando, mas vale muito a pena. É muito bom fazer o mapa!

IMG_6770

Mas deve dar uma saudade de casa também, né? Do que você sente mais falta quando está longe do Brasil?
Dá muita saudade, principalmente do meu amor!

Parte de sua família vem do Nordeste. Qual sua relação com a região?
Meus pais nasceram em Natal/RN e minha mãe morou em Recife. O Nordeste é minha família, minhas origens, meu sangue. Eu amo muito aquele lugar! A minha infância foi lá e eu tenho muito orgulho de ter sangue nordestino.

Você conta com a ajuda de algum profissional (stylist, consultor) ou monta os looks sozinha?
Eu me visto sozinha na maioria das vezes, sim, mas também tenho a Flavia Brunetti, que faz stylings especiais para mim. Eu amoooooo!

IMG_6813

Você tá na internet, na TV e na boca do mundo. Apesar de todas essas conquistas, a Mica ainda tem alguma pretensão? Profissional, pessoal, sexual. Rss.
Hahaha. Sexual foi ótima! Tenho muitos sonhos profissionais e pessoais. Não cheguei nem na metade do que eu gostaria de ter no futuro. Quero trabalhar e continuar conquistando o meu espaço somente com o meu trabalho e esforço. Cheguei até aqui porque trabalhei muito, e é assim que quero continuar. Pessoalmente, quero casar. Filhos nós vamos esperar um pouco, não tenho pressa. Logo, logo meu blog de relacionamentos será lançado (micarocha.com.br), e eu quero todo mundo lá!

VEJA, ASSISTA E SIGA A MICA! E RIA…
SOS Pé na bunda: Quarta-feira, às 22h30, na Warner.
Mapa do Pop: Sexta, às 19h10, no Glitz.
Instagram: @micarocha
#tutorialdamica toda terça-feira.
www.youtube.com.br/micarochaoficial