CONNECTING PEOPLE

Além de talento, uma boa rede de contatos faz toda diferença

Foto: Dário Matos / revista Invoga 34

O que comandar um bar, um estúdio de tatuagem, um de fotografia, uma agência de publicidade e as pickups de uma festa pode ter em comum? RELACIONAMENTO (e não estamos falando de status do facebook, não, viu?). Para provar que, além de talento, uma boa rede de contatos – leia networking – faz toda a diferença, ouvimos Dan Barroso, Amilton Inácio, Luis Morais, Rodne Torres e Thales Aurélio, que, de quebra, ainda esbanjaram estilo em editorial masculino muito bem relacionado. 

Foto: Dário Matos / revista Invoga 34

“É na relação cotidiana, e em como a conduzimos, que abrimos espaço para mostrar o nosso talento, o domínio da técnica e a nossa qualidade profissional. Sem um bom relacionamento tudo isso cai por terra, afinal, são essas pessoas que irão te estender a mão ou decidir se você irá trabalhar com elas ou para elas. E, caso seja o proprietário, é a equipe em conjunto que irá conduzir o teu negócio com brilhantismo, pois não há nada nesse mundo que seja mais desastroso que uma equipe talentosa, porém desmotivada”. 

Rodne Torres, publicitário e sócio da agência Acesso Comunicação – @rodnetorres 

“Sempre faço com que o clima seja agradável no meu trabalho, dando importância a cada profissional envolvido, e acho essa relação muito importante para que tudo flua bem e, consequentemente, aumente a minha rede de contatos. 

Luis Morais, fotógrafo – @luismoraisfoto

Foto: Dário Matos / revista Invoga 34

 “Networking não se constrói só no corpo a corpo. Ter um bom relacionamento com os seguidores nas redes sociais também faz diferença e pode render trabalhos, parcerias e até boas amizades. Gosto de responder as menções nos stories, directs e tudo mais. É uma relação de troca super importante. Já em ação, acredito que os sets de música brasileira são os mais “agregadores”. Não precisa ser hit, a música tem um calor especial, uma energia incrível, e a questão de ser na nossa língua também faz com que as pessoas se envolvam mais. É difícil ficar parado ao som do carimbó, por exemplo. É bom demais!” 

Thales Aurélio, dj e produtor de festa Catiguria – @othales 

 “O Fábrika funciona como uma grande sala de reuniões, encontros, e já perdi as contas de quantos negócios fechei ou foram fechados por outras pessoas lá. Ter um espaço onde você se sente bem para conversar, trocar ideias e, principalmente, expandir sua rede de contatos, é essencial para qualquer negócio. Por estar sempre em contato com pessoas de diferentes ramos, eu acabo me tornando uma ponte entre a demanda e a oferta de vários negócios. Para mim é motivo de orgulho ter uma casa onde eu posso ajudar as pessoas e, ainda por cima, tomar um chopp gelado!” 

Dan Barroso, proprietário do Fabrika Bar e da agência DB Design – @danbarroso

“O que aprendi de mais importante sobre pessoas trabalhando como tatuador é que cada uma delas tem uma história de vida para contar, e, muitas vezes, a forma que elas encontram para expressá-la é por meio da tatuagem”. 

Amilton Inácio, tatuador e proprietário da Santa Tatuagem – @amiltoninacio 

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.