ABC DA DESCOLORAÇÃO

#DICADEESPECIALISTA: O hair stylist Felipe Neto te esclarece o que pode e o que não pode na hora de mexer quimicamente nos fios

Quem nunca pensou em mudar radicalmente as madeixas que atire o primeiro secador. Felipe Silva, cabeleireiro especializado em transformações, abriu o jogo pra gente e esclareceu o que acontece durante um processo de descoloração e o que fazer para prevenir ou tratar danos causados pelo pózinho mágico da mudança de cor.

O Felipe estudou com o melhor colorista do país, o Romeu Felipe, pra aperfeiçoar suas técnicas, então relaxa porque esse tem propriedade no assunto. Preparadas? Então pega a caneta e o caderninho pra não errar na próxima ida ao salão!

Romeu Felipe e Felipe Silva, em São Paulo, para o curso de aperfeiçoamento de técnicas

inVoga: O que o cliente pode fazer em casa pra preparar o cabelo para todo o processo químico?

Felipe Silva: Quando falamos em processo químico, seja ele de descoloração, alistamento e afins estamos falando de um processo que se não tendo uma boa manutenção sem duvida será traumático. O antes, durante e depois é muito importante! A cliente pode começar a cuidar do cabelo em casa? Sim! Desde que antes seja feito pelo profissional um protocolo que atenda a necessidade do fio, isso insiste em hidratação/reconstrução e reposição de queratina que o cabelo perde durante os dias naturalmente, com uso dos secadores, modeladores etc…

I: Existe algum erro comum que os cabeleireiros cometem que pode danificar a estrutura do fio e tem como ser evitado?

FS: Sim! Tratar quimicamente um cabelo ao contrário do que muitos pensam é algo muito sério! Antes de fazer qualquer procedimento químico deve ser feito um teste de mechas no cabelo, isso implicará em selecionar um mecha na parte do meio da cabeça (região conhecida como a mais forte do cabelo) e aplicar o produto que será utilizado no processo nessa mecha. Respeitando a integridade do fio e do resultado que se deseja essa mecha vai indicar a situação em que o cabelo ficará durante ou após o processo.

I: Descolorir mais de uma vez numa mesma semana pode? Se sim, existe alguma recomendação pra que os fios não quebrem ou sofram algum dano maior?

FS: Depende muito da forma com a qual será feira a descoloração e a técnica que se aplica no processo. Geralmente não aconselhamos a cliente a descolorir o cabelo mais de uma vez no período mínimo de 3 meses. Quando falamos de procedimentos de “coloração/descoloração” estamos falando de produtos permanentes que não saem do cabelo com lavagem. Somente com o tempo e o crescimento do cabelo podemos ter cabelo natural novamente. Hoje contamos com a ajuda de protetores PLEX que adicionamos ao descolorante durante o processo, isso não nos deixa 100% livre das intercorrências, mas nos ajuda muito a fazer um trabalho com mais segurança.

I: Fazer um alisamento químico e pintar no mesmo dia faz mal?

FS: Mais um risco que se corre! Alguns fazem, Eu particularmente não aconselho. Acho que devemos ser mais prudentes como profissionais.

I: O que fazer quando o cabelo não chega no ponto de descoloração que a cliente quer?

FS: Mais uma vez falamos diretamente do teste de mecha, e do risco que nós profissionais corremos em não fazê-lo. Entende-se que: Se eu me precaver antes fazendo o teste fico sabendo o que me espera durante o processo. Cabelos com progressiva, botox , inteligente e derivados são cabelos selados quimicamente e nem sempre a descoloração consegue um fundo de clareamento limpo e uniforme. Depois do teste vendo como está o fio, a integridade dele e o tom que eu tenho ali, faço uma “entrevista” com a cliente e conversando chegamos a um resultado que vai agradar a ela e deixar os cabelos com uma cor realmente bacana.

I: Quais os cuidados necessários em casa após uma descoloração agressiva?

FS: Um cabelo descolorido ele precisa de uma série de cuidados! A descoloração nada mais é do que uma limpeza que o produto faz retirando o pigmento natural para nos dar facilidade em criar nuances novas e na cor desejada. Nesse processo de limpeza do pigmento o cabelo perde muito do que o mantém saudável então, mais uma vez é preciso ser feito um cronograma de cuidados. Quando a descoloração maltrata muito e o faz ficar, elástico e poroso não indicamos hidratação, Primeiro reconstruímos o fio e damos a ele o que que precisa e depois começamos a tratar com hidratação e proteção da cor.

I: E quando o cabelo fica detonado, o que fazer?

FS: Então, depende do DETONADO rsrs… Existem 3 tipos de pós mechas.
• cabelos ressecados
•cabelos elásticos
• cabelos partidos ou quebrados.

Se o cabelo só resseca: uma hidratação que contenha: Ceramidas fortificante, ceras naturais, silicone e filtro U.V !

Se o cabelo fica elástico: já precisaremos de produtos com mais queratina, que é uma substância que já é conhecida por auxiliar no enrijecimento do fio.

Agora se o cabelo quebra: daí a primeira coisa a ser feita é cortar ✂ . Se a extremidade rompida não for retirada o cabelo não encontrará força para crescer com saúde, por isso e preciso cortar na intenção de começar um ciclo novo pra o fio.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.